band.uol.com.br

Esporte
Atualizado em 19/07/2019 17:30

Após filho nascer prematuramente, Cueva desfalca o Santos no Rio

Jogador foi liberado nesta sexta-feira para viajar ao Peru; Jobson também não pega o Botafogo
Cueva retornará na próxima terça ao Brasil / Guilherme Dionízio/Estadão Conteúdo Cueva retornará na próxima terça ao Brasil Guilherme Dionízio/Estadão Conteúdo

O Santos terá o desfalque do meia Cueva na partida contra o Botafogo, neste domingo, às 11 horas, no estádio do Engenhão, no Rio de Janeiro, pela 11.ª rodada do Campeonato Brasileiro. O seu terceiro filho nasceu de forma prematura, de sete meses, e o jogador foi liberado nesta sexta-feira para viajar ao Peru. Ele retornará na próxima terça ao Brasil, dia de folga ao elenco, e treinará apenas na quarta.

Outro jogador que não estará em campo pelo Santos no Rio de Janeiro será Jobson. O volante ainda se recupera de um entorse no tornozelo direito. Os atletas estrangeiros que serão relacionados pelo técnico argentino Jorge Sampaoli contra o Botafogo serão o zagueiro colombiano Felipe Aguilar, o atacante paraguaio Derlis González, o volante uruguaio Carlos Sánchez e o meia venezuelano Soteldo.

Uma possível escalação do Santos é a seguinte: Everson; Victor Ferraz, Lucas Veríssimo, Felipe Aguilar e Jorge; Alison (Gustavo Henrique), Diego Pituca e Carlos Sánchez; Eduardo Sasha (Marinho), Uribe (Marinho) e Soteldo.

Quem mais uma vez deve ser reserva é Jean Mota, que se destacou no Campeonato Paulista atuando como um falso 9. Sem centroavante na época, Sampaoli deu liberdade a ele para se aproximar da área, o que lhe rendeu a artilharia da competição. Só que com a chegada do colombiano Uribe e o crescimento de produção de Eduardo Sasha no ataque, o jogador passou a fazer parte do rodízio do técnico no meio de campo.

"Falso 9 ele nunca mais me pediu. Como chegou Uribe e tem o Sasha, tenho jogado de segundo volante, sim. Ele não tem mais jogado com meia, mas sim com três volantes. Tenho que me adaptar, ele falou comigo e pretende me usar mais assim. Já treinei de extremo, mas posição para eu brigar é nessa função. Pode ser ele que mude botando o meia e eu estaria ali. De falso 9 acho que não vou mais, não", disse Jean Mota, em entrevista coletiva nesta sexta-feira no CT Rei Pelé, em Santos.

O Santos encerra a preparação para o jogo contra o Botafogo na manhã deste sábado. O time é o vice-líder do Brasileirão com 23 pontos, três a menos que o Palmeiras.