band.uol.com.br

Entretenimento
Atualizado em 16/11/2019 12:54

Gerson Brenner recebe alta após mais de 40 dias internado em São Paulo

Ator foi hospitalizado após apresentar forte sonolência chegando a ficar até 40 horas seguidas dormindo
Gerson Brenner em foto de 2000, dois anos depois de ser baleado em um assalto / Kathia Tamanaha/Estadão Conteúdo Gerson Brenner em foto de 2000, dois anos depois de ser baleado em um assalto Kathia Tamanaha/Estadão Conteúdo

Gerson Brenner, de 59 anos, recebeu alta na manhã desta sexta-feira, 15, após mais de 40 dias internado. A informação foi confirmada à reportagem do Estadão Conteúdo na noite de sexta-feira, 15, pela assessoria de imprensa do Hospital São Luiz Itaim, em São Paulo, onde o ator esteve nesse período.

No começo deste mês, o centro hospitalar havia informado que o quadro dele era "clinicamente estável e sem sinais de infecção". O artista havia sido internado depois de apresentar forte sonolência.

"A gente estranhou essa sonolência porque ele é sempre bem ativo. Levamos lá no hospital e eles acharam por bem internar para ficar para investigar", disse Marta Brenner, mulher do ator, ao UOL.

O estado de saúde do ator chamou atenção após o comentarista Felipeh Campos, do programa A Tarde É Sua, ter afirmado que Brenner estaria dormindo por até 40 horas seguidas, apresentando problemas com sono.

Em agosto de 1998, Gerson Brenner levou um tiro na cabeça durante uma tentativa de assalto na Rodovia Ayrton Senna. Ele chegou ao hospital em coma profundo, passou por cirurgias e ficou 23 dias na unidade de terapia intensiva. Como consequência, o ator teve locomoção e fala comprometidas.