Band Minas

CEFET-MG e UFJF anunciam greve; UFMG, UFSJ e UFVJM também aderem ao movimento

Outras instituições também aprovaram indicativo de greve, como a Universidade Federal de Uberlândia (UFU), que só paralisa as atividades em maio, por ter calendário diferente das demais

Vinícius Luiz

Em todo o país, 18 universidades e institutos federais entram em greve a partir de hoje
Em todo o país, 18 universidades e institutos federais entram em greve a partir de hoje
Divulgação/UFMG

Além da UFMG, outras duas instituições federais de ensino mineiras entram em greve nesta segunda-feira (15): o Centro Federal de Educação Tecnológica de Minas Gerais (Cefet/MG) e a Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF). O Instituto Federal do Sul de Minas já se encontra em greve.

Outras instituições também aprovaram indicativo de greve, como a Universidade Federal de Uberlândia (UFU), que só paralisa as atividades em maio, por ter calendário diferente das demais.  As Universidades Federais de São João Del-Rey e dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri também tem indicativo de greve ou estado de greve.

As informações são da Andes - Sindicato Nacional dos Docentes das Instituições de Ensino Superior. Em todo o país, 18 universidades e institutos federais entram em greve a partir de hoje e se somam a três que já se encontravam em paralisação.

Tópicos relacionados