Band Minas

Manifestantes protestam contra regime de recuperação fiscal em BH

Representantes do funcionalismo público se dirigiram à Cidade Administrativa na manhã desta sexta-feira

Redação 05/08/2022 • 18:57
Manifestantes em frente a Cidade Administrativa na manhã desta sexta-feira (05)
Manifestantes em frente a Cidade Administrativa na manhã desta sexta-feira (05)
Reprodução

Manifestantes realizam na manhã desta sexta-feira (05) um protesto com o Sind-UTE/MG, a CUT Minas e demais sindicatos representantes do funcionalismo público mineiro na Cidade Administrativa, em Belo Horizonte, contra o Regime de Recuperação Fiscal (RRF).

As categorias do funcionalismo manifestam contra a implantação do RRF dos governos Bolsonaro e Zema, que, segundo eles, coloca em risco os direitos dos servidores públicos e a prestação de serviços.

O RRF, segundo o Governo Federal, é uma forma legal que permite que estados em situação de desequilíbrio fiscal desfrutem de benefícios, como a flexibilização de regras fiscais, concessão de operações de crédito e a possibilidade de suspensão do pagamento de dívidas. Entre as reformas institucionais constam, por exemplo, a necessidade de aprovação de um teto de gastos e a criação de previdência complementar.

Os manifestantes acusam o Governo de usar o regime para proibir a realização de concursos públicos, congelar carreiras e salários e diminuir os investimentos em Saúde e Educação.