Notícias

10 capitais brasileiras registram aumento de casos de síndrome respiratória aguda grave

Da Redação, com BandNews FM 21/11/2020 • 18:24 - Atualizado em 21/11/2020 • 19:36
Capitais registra aumento de casos de síndrome respiratória aguda grave
Capitais registra aumento de casos de síndrome respiratória aguda grave
Andréa Rêgo Barros/PCR

Dez capitais brasileiras registram aumento nos casos de síndrome respiratória aguda grave (SRAG): Rio Branco, Belo Horizonte, Florianópolis, João Pessoa, Natal, Brasília, São Luís, Vitória, Goiânia e Palmas.

O mapeamento da Fiocruz aponta que é possível que os casos desse tipo de doença estejam crescendo no Brasil. O apagão de dados que atingiu a rede do Ministério da Saúde, há cerca de duas semanas, também pode ter prejudicado as estimativas do boletim.

Leia mais

- Cientistas testam tratamento com anticorpos contra Covid-19
- Aumento de internações por Covid não justifica proibição de cirurgias eletivas, diz sindicato de hospitais de São Paulo
- Pfizer pede liberação emergencial para vacina contra Covid-19

A síndrome respiratória aguda grave pode ser motivada por diversos vírus respiratórios. No entanto, neste ano, 98% dos casos têm o coronavírus como causador, segundo dados da fundação.

  • bandnews