Notícias

TV no Brasil: primeira transmissão completa 70 anos

Da Redação com Jornal da Band
16/09/2020 • 21:53

TV no Brasil: primeira transmissão completa 70 anos Especial 70 anos da televisão brasileira Jornal da Band

Para comemorar os 70 anos da televisão brasileira, o Jornal da Band começa nesta quarta-feira, 16, uma série especial sobre o veículo que é o principal meio de informação e entretenimento dos brasileiros.

Passou na televisão. E se não fosse ela, será que tantos fatos históricos que vivemos estariam registrados em nossa memória? Há 70 anos, o Brasil entrava em uma nova era. O paraibano Assis Chateaubriand, dono de revistas jornais e rádios dos Diários Associados, trazia de fora para seu conglomerado uma primeira estação de TV, que batizou de Tupi. 

“Ele ouviu falar que existia um negócio chamado televisão. Ele pega um avião e vai aos Estados Unidos, a Nova York e vai a sede da RCA Victor, procura o David Sarnoff, que era o presidente da empresa, e compra por não sei quantos milhões de dólares os equipamentos para montar a estação de televisão”, conta à reportagem e jornalista e escritor Fernando Morais, biógrafo de Chateaubriand.

“Quando em setembro de 1950, Chateaubriand inaugura a TV Tupi, ele inaugura a quinta emissora do mundo”, explica Rodolfo Bonventti, diretor do Museu da TV. 

“Em um primeiro momento, quase ninguém tem televisores no Brasil, então ele compra 200 televisores e espalha em diversos locais para que as pessoas passando pela rua começassem a se adequar e a entender o que era essa novidade”, completa a historiadora Maria Aparecida Aquino. 

Contratempos 

A TV ia ser inaugurada com duas câmeras e tudo ao vivo, mas horas antes da primeira transmissão, uma das câmeras pifou. Se pensou até em adiar a festa, ainda assim, a estreia ocorreu com apenas uma câmera:

Foi uma loucura ter que produzir conteúdo porque era tudo ao vivo. Vieram os telejornais, os programas de auditório e as novelas também ao vivo. As estrelas do rádio e do teatro se adaptavam a linguagem dessa nova mídia.

“Acho que a televisão é mágica para todo mundo. Ela faz parte do cotidiano da vida do brasileiro desde que ela surgiu”, pontua Bonventti. 

Nossa memória dos fatos foi construída no sofá da sala com o controle remoto nas mãos, mas nem sempre foi assim. As TVs funcionavam de um jeito esquisito. Nos aparelhos mais antigos era preciso colocar uma palha de aço na antera, mexer para um lado, mexer para o outro lado, e torcer para a imagem melhorar na telinha. 

“A gente fala que a TV tem duas fases. Dos 50 aos 60 tudo foi muito mais lento, muito mais devagar. A partir de 1970 quando a gente já tem a possibilidade da rede nacional de televisão as emissoras deslancharam com sua programação, com seus investimentos e passamos a ter uma televisão muito respeitada”, concluiu o diretor do Museu da TV.

Na reportagem desta quinta-feira, 17, você vai ver como a tecnologia avança e o mundo em cores chega à nossa casa através da televisão.


70 anos da tv brasileira
tv brasileira


Mais Notícias

Debate na Band entre candidatos à prefeitura de São Paulo tem data e regras definidas

Debate na Band entre candidatos à prefeitura de São Paulo tem data e regras definidas

22/09/2020 • 21:54

Vacina contra Covid: Rússia vai registrar 2ª pesquisa até 15 de outubro

Vacina contra Covid: Rússia vai registrar 2ª pesquisa até 15 de outubro

22/09/2020 • 21:39

Especial: Conheça o papel da inteligência nas ações policiais

Especial: Conheça o papel da inteligência nas ações policiais

22/09/2020 • 21:15

Senado aprova Nestor Forster para a embaixada do Brasil nos EUA

Senado aprova Nestor Forster para a embaixada do Brasil nos EUA

22/09/2020 • 19:18

Justiça determina suspensão de atividades presenciais na Alesp

Justiça determina suspensão de atividades presenciais na Alesp

22/09/2020 • 18:48

Exclusivo: Traficante Elias Maluco é encontrado morto na Penitenciária Federal de Catanduvas

Exclusivo: Traficante Elias Maluco é encontrado morto na Penitenciária Federal de Catanduvas

22/09/2020 • 18:17