Notícias

Argentina tem "invasão" de milhares de besouros durante onda de calor extremo

Imagens que viralizaram nas redes mostram caixas com insetos acumulados em casas na província de La Pampa

Marcia Carmo, do BandNews TV 14/01/2022 • 14:06 - Atualizado em 14/01/2022 • 14:08

Especialistas explicaram que a invasão de milhões de besouros na província de La Pampa, perto de Buenos Aires, na Argentina, foi provocada pela onda de calor extremo.

Imagens que viralizaram nas redes mostram milhares de insetos acumulados em lugares como telhados, calhas, caixas e outros lugares mais “frescos” na cidade de Santa Isabel (veja no vídeo acima). O acúmulo danifica instalações.

O besouro é da espécie Diloboderus abderus, que costuma se reproduzir nesta época do ano, justamente marcada pelo calor do verão. A previsão de temperatura para a província nesta sexta era de 43ºC.

Conhecidos como Corós, as larvas do inseto ficam enterradas no solo e saem à superfície para iniciar seu ciclo reprodutivo no verão.

Argentina e centro da América do Sul batem recordes de temperatura

O centro da América do Sul vive uma onda de calor mais intenso nesta semana. Um bloqueio atmosférico impede o avanço de frentes frias, deixando o ar seco e elevando as temperaturas. Estão previstas quebras de recorde de temperatura na Argentina, Uruguai e no Rio Grande do Sul, superando os 40ºC na fase de calor mais intensa do fenômeno atmosférico.

Na Argentina, são pelo menos cinco dias com temperaturas acima dos 40ºC em várias cidades, com máximas entre 42ºC e 45ºC. A capital Buenos Aires registrou a segunda maior temperatura (41,1ºC) de sua história para o mês de janeiro e a primeira acima de 40ºC desde 1995.