Notícias

SP: 200 refugiados aguardam aprovação de pedido de refúgio em aeroporto

Após reunião emergencial, o processo de regularização dos refugiados retidos no Aeroporto de Guarulhos, foi acelerado. Antes eram 400

Por Guilherme Oliveira

Após uma reunião emergencial, o processo de regularização dos refugiados retidos no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, foi acelerado. Caiu para cerca de 200 o número de pessoas esperando aprovação do pedido de refúgio, antes eram 400. 

Participaram do encontro representantes do Ministério da Justiça, da Polícia Federal, da Agência da ONU para Refugiados (Acnur), da concessionária GRU Airport e da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). 

Os pedidos de refúgio no Brasil já foram regularizados pelo Ministério da Justiça que, agora, espera que o fluxo de processamento das requisições se normalize em breve. A demora também é uma consequência de uma interrupção recente nos serviços, o que gerou um acúmulo de solicitações. 

Segundo a Polícia Federal, uma força-tarefa tem acelerado o processamento dos pedidos, e o resultado já é percebido, isso porque, pela manhã, o número já havia diminuído para 275 pessoas e, ao longo do dia, mais 70 novas requisições foram protocoladas com sucesso. O MPF sugeriu reforço na equipe de responsáveis pelo registro dos pedidos de refúgio para evitar situações como essa.

Uma nova reunião foi agendada para 27 de junho, quando os órgãos que atuam no terminal deverão trazer propostas para esse aperfeiçoamento dos serviços.

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais