Brasil Urgente

Suspeito de estuprar duas jovens na saída do metrô de São Paulo é preso

Crimes aconteceram nos dias 3 e 25 de maio na saída do metrô Sumaré; entre as vítimas está uma adolescente

Giovanna De Boer 01/06/2022 • 18:05 - Atualizado em 01/06/2022 • 20:43

O homem suspeito de estuprar duas adolescentes, de 17 e 19 anos, na saída do metrô Sumaré, foi preso na zona sul de São Paulo. De acordo com autoridades, ele confessou os crimes, que aconteceram nos dias 3 e 25 de maio. 

Ele aparece em imagens de câmeras de segurança circulando pelo transporte público da capital paulista. O homem de 27 anos tem passagem pela polícia por estupro em 2012, e saiu da cadeia há dois meses por cometer furtos e roubos na mesma região.

No primeiro ataque, ele está com uma camiseta de manga curta e uma calça. Apesar de usar máscara para dificultar a identificação, no braço há uma grande tatuagem. Nas imagens, ele aparece esperando a jovem de 17 anos passar, a seguiu e cometeu o abuso.

Segundo a investigação, o crime foi premeditado e o homem foi ao local mais cedo no mesmo dia em que cometeu o estupro. Ele verificou um possível esconderijo e também o local para levar as vítimas.

No segundo ataque, 20 dias depois, o homem retornou ao mesmo local, a saída do metrô Sumaré, mas adotou uma postura diferente e foi mais agressivo. Ele abraçou uma jovem de 19 anos que passava pelo local e a ameaçou de morte antes de levá-la para uma viela.

Ele foi preso na casa da namorada em Santo Amaro, zona sul de SP. O suspeito deve cumprir prisão temporária e responder pelos crimes que cometeu.