Brasil Urgente

Comerciante é baleado e morre após 'golpe do Tinder' em São Paulo

Alex Kim Shin havia marcado encontro, mas foi abordado por assaltantes ao chegar ao local combinado

Maria Paula Limah 17/01/2022 • 16:54 - Atualizado em 17/01/2022 • 16:56

O empresário Alex Kim Shin, de 31 anos, foi baleado e morreu após ser vítima de uma emboscada na noite deste domingo (16) em São Paulo. Ele havia marcado um encontro pelo Tinder, mas acabou surpreendido por criminosos ao chegar ao local combinado.

Por volta de 22h30, Kim Shin dirigiu ao local que havia combinado com uma mulher, em uma rua da Vila Brasilândia, zona norte da capital paulista. Ao chegar, foi surpreendido por dois criminosos em uma moto, que anunciaram o assalto e teriam exigido seu veículo, um Jeep Renegade preto.

Apavorado, o homem acelerou e fugiu com o carro. Mas foi seguido pelos assaltantes, que atiraram.

Um dos disparos acertou a parte de trás da cabeça da vítima, que conseguiu fugir por pouco mais de um quilômetro até perder o controle da direção e bater contra a fachada de um minimercado. Os proprietários do minimercado disseram ter câmeras de segurança, mas que elas não gravam.

O comerciante foi socorrido e levado para o hospital do Mandaqui, onde passou por uma cirurgia, mas não resistiu. Agora, a Polícia Civil procura câmeras de segurança que possam ter gravado o crime e a fuga dos criminosos.