Notícias

Delivery do crime: operação prende quadrilha que vendia drogas pela internet

Os envolvidos comercializavam entorpecentes utilizando as redes sociais

Marcelo Moreira

Delivery do crime: operação prende quadrilha que vendia drogas pela internet
Reprodução/Brasil Urgente

Policiais do Deic prenderam cinco pessoas por associação ao tráfico de drogas na última quarta-feira (12). As detenções aconteceram na cidade de São Paulo, e nos municípios de Cotia, e Osasco, ambos na Grande SP. Os envolvidos comercializavam entorpecentes utilizando as redes sociais.

A polícia apreendeu drogas, entre elas, maconhas produzidas em laboratórios, como Dry, Ice e Skank, além de dinheiro da venda de entorpecentes e máquinas para contar notas. Os cinco suspeitos vão responder por associação ao tráfico. Em audiência de custodia, a justiça converteu o flagrante em preventiva e agora, eles vão aguardar o julgamento na cadeia.

Foi através dos anúncios da quadrilha que a Polícia Civil descobriu o esquema criminoso de tráfico de drogas chamadas gourmet. As mensagens iam para um grupo seleto de dependentes químicos.

Os acusados, ligados a uma facção criminosa, usavam uma picape com o logo de uma empresa de entregas por aplicativo, para não chamar a atenção da polícia e evitar fiscalizações.

Recentemente, a delegacia de Carapicuíba, na Grande São Paulo, prendeu um homem acusado de vender uma super maconha, que era produzida de forma artesanal no quintal da casa dele. Ele tinha numa lousa pregada na parede, as anotações da formula para a produção da droga sintética e a contabilidade do negócio do crime

As vendas eram para um grupo seleto através de aplicativos de mensagens. Os clientes, todos de classe média alta, moradores de áreas nobres da grande São Paulo, principalmente, de condomínios de luxo. O homem que não tinha passagem, mas vai responder por associação e tráfico de drogas.

Tópicos relacionados