Brasil Urgente

Motorista que atropelou moto é identificado; passageira teve a perna amputada

De acordo com delegado, o outro motorista também pode ser responsabilizado, se for confirmado que eles estavam em um racha

Da redação

O delegado Ednelson Martins, em entrevista coletiva, na tarde desta terça-feira (21) afirmou que o motorista que atropelou um motociclista de app e a passageira foi identificado. O acidente entre dois carros de luxo na região de Alphaville, em Barueri, cidade da Grande São Paulo, e a moto fez com que uma mulher de 36 anos tivesse a perna amputada.

Segundo o delegado, o motorista responsável pela colisão deixou o carro perto de uma igreja. Câmeras de segurança registraram o momento em que duas Mercedes-Benz, uma preta e outra prata, trafegavam em alta velocidade ao lado de um ônibus da EMTU. 

O veículo preto colidiu violentamente com a traseira de uma moto, que era conduzida por um jovem trabalhando como motorista de aplicativo e levava uma passageira. 

Ainda de acordo com o delegado, o outro motorista também pode ser responsabilizado se for confirmado que eles estavam em um racha.

O motorista tem não tem antecedentes criminais. Os motoristas dos carros fugiram sem prestar socorro. Posteriormente, um dos veículos envolvidos foi localizado pela Guarda Civil e apreendido

Segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-SP), o caso foi registrado como “participar de corrida em via pública, lesão corporal culposa na direção de veículo automotor e fuga de local de acidente” pela Delegacia de Barueri. Foi solicitada perícia ao local.

O que foi descoberto e o que falta descobrir

  • Posteriormente, um dos veículos envolvidos foi localizado pela Guarda Civil de Barueri e apreendido perto de uma igreja.
  • A Mercedes preta foi encontrada estacionada em um local particular no bairro de Tamboré.
  • Segundo as primeiras informações, ele estaria registrado no nome de uma empresa.
  •  

Histórico de acidentes de carros de luxo

  • Este é o terceiro incidente grave envolvendo veículos de luxo em alta velocidade ocorrido na Grande São Paulo nos últimos meses.
  • Anteriormente, uma adolescente de 19 anos morreu atropelada em São Caetano do Sul.
  • Um motorista de Uber morreu na Avenida Salim Farah Maluf atropelado por um Porsche.
Banner Whatsapp

Tópicos relacionados