Brasil Urgente

Obra em córrego na Zona Leste não impede alagamentos em SP

Segundo os moradores, foi logo depois que a situação que deveria melhorar com a obra, piorou

Por Julia Sarmento

Topo

Na Vila Simone, no Itaim Paulista, zona leste de São Paulo a chuva se tornou sinônimo de medo e apreensão. Vídeos feitos por moradores da comunidade ao longo de 2023 mostram como as ruas se tornaram rios, e a água invadiu casas e comércio. Trazendo transtorno e prejuízo para centenas de pessoas.

Segundo os moradores, o principal problema é causado pelo córrego lajeado, que margeia a comunidade, e quando chove o nível da água sobe e transborda. 

Segundo os moradores antigos da região do Itaim Paulista, na zona leste de São Paulo, o rio sempre causava transtornos quando chovia, mas a situação piorou após a obra feita pela prefeitura.

A prefeitura de São Paulo fez uma obra emergencial no córrego lajeado em 2022. O objetivo era tentar evitar exatamente os transtornos causados para à população por causa da chuva. 

À época, chegaram a ser investidos quase 30 milhões de reais na obra neste e em outros trechos do córrego. A intervenção foi finalizada em novembro do ano passado. Mas, segundo os moradores, foi logo depois que a situação que deveria melhorar, piorou.

Muitos moradores viram o suor de uma vida toda ir embora junto com a água. Foram moveis, eletrodomésticos, roupas e até carros perdidos.

A verdade é que quando a previsão é de chuva e o céu começa a escurecer, os moradores ficam com medo e nem dormem pelo receio de a água do córrego subir e invadir as casas. 

Em nota, a prefeitura de São Paulo confirmou que quatro obras foram feitas em trechos do córrego lajeado, para contenção de riscos. As intervenções começaram em 2021. Além disso, a Prefeitura informou que tem feito serviços de zeladoria de forma preventiva durante todo o ano, nesta região da zona leste.

Receba as principais notícias e vídeos da Band via WhatsApp; veja passo a passo

Tópicos relacionados