Brasil Urgente

Polícia prende suspeito de participação em latrocínio contra dono de moto em SP

Luiz Eduardo Silva Souza confessou o crime em gravação enviada a amigo por aplicativo de mensagem

Da Redação, com Brasil Urgente 20/10/2021 • 18:28 - Atualizado em 20/10/2021 • 18:31
Luiz Eduardo Silva Souza confessou o crime em gravação enviada a amigo por aplicativo de mensagem
Luiz Eduardo Silva Souza confessou o crime em gravação enviada a amigo por aplicativo de mensagem
Reprodução

Luiz Eduardo Silva Souza foi preso no fim da tarde desta quarta-feira (20) em Itaquera, na zona leste de São Paulo. Segundo investigação da 6ª Seccional da Polícia Civil de São Paulo, Souza é o responsável por matar a tiros o repositor Wellington Honório Siqueira durante o roubo de uma moto no dia 11 de outubro, na zona sul da capital paulista.

Em mensagens trocadas com um amigo, às quais a investigação teve acesso, o próprio suspeito confessa o crime e conta com tranquilidade como tudo aconteceu. Na gravação, ele confirma que a vítima de 22 anos não reagiu.

“Falando para o cara: ‘Mão no guidão, mão no guidão’. Ele, calmão, olhou para mim, desligou a moto, tirou a chave dela, desceu dela e ficou de costas para nós, com as duas mãos na cintura”, descreveu.

Luiz Eduardo havia sido foi reconhecido por uma testemunha. Ele estava foragido desde o crime e tinha prisão temporária decretada.

Luiz Eduardo tem passagens policiais por roubo e porte de arma. Ele saiu da cadeia em fevereiro desde ano, em liberdade condicional.

A 6ª Seccional já havia prendido Caio José Domingues Batista, integrante da mesma quadrilha, especializada em roubo de motos e sequestro para transferências via Pix. Outros dois acusados foram detidos na mesma operação, nesta terça-feira (19).

Segundo a investigação, Caio é parceiro de crime de Luiz Eduardo e participou de uma tentativa de latrocínio 10 minutos depois da morte de Wellington, no bairro Cidade Dutra.

Agora a investigação tenta identificar e prender o comparsa de Luiz Eduardo no roubo que vitimou o repositor, de 22 anos.