Notícias

Força-tarefa que procura por Lázaro recebeu mais de mil denúncias em 24 horas

Buscas pelo serial killer do DF vão entrar no 14º dia

Da Redação, com Band Notícias 21/06/2021 • 22:44 - Atualizado em 21/06/2021 • 22:58

A busca por Lázaro Barbosa, homem que matou quatro pessoas da mesma família no Distrito Federal está prestes a completar duas semanas. A força-tarefa que procura pelo serial killer recebeu mais de mil denúncias em 24 horas. As informações são de Erick Mota, no Band Notícias.

Apesar desse alto número de denúncias, a Secretaria de Segurança Pública de Goiás afirmou que a maioria delas é falsa, o que atrapalha as investigações.

As buscas continuam. A polícia acredita que o serial killer está entre o distrito de Girassol e o município de Santo Antônio do Descoberto, em Goiás.

Durante todo dia, os policiais fizeram barreiras nas estradas e buscas com helicópteros. Lázaro teria sido visto pela última vez no último domingo (20) à tarde, e a polícia suspeita que ele esteja tentando sair de Goiás.

A força-tarefa agora conta com reforço de cães farejadores que trabalharam nas buscas de vítimas na tragédia com a barragem de rejeitos da Vale, em Brumadinho (MG).

Enquanto a polícia não consegue prender Lázaro Barboza, a população local está aterrorizada. O medo dos moradores aumenta, e muitos estão saindo de casa. O comércio da região também acumula prejuízos.

Nesta segunda (21), a Defensoria Pública do Distrito Federal pediu que o criminoso tenha proteção física e mental, caso seja preso. A instituição também quer que ele fique em instalações seguras e não divida a cela com outros detentos.

O disque-denúncia criado para informações que ajudem na captura de Lázaro Barbosa é: (061) 9 9839-5284.

  • lázaro barbosa
  • serial killer
  • polícia