Notícias

Miopia, obesidade e mais: médico lista malefícios do celular para crianças

Pediatra Paulo Telles participa do Canal Livre deste domingo (23)

da Redação

Miopia, obesidade e mais: médico lista malefícios do celular para crianças
Reprodução

O Canal Livre deste domingo (23) discute um tema que vem preocupando pais e mães do mundo todo: o uso do celular e da internet por crianças e adolescentes – incluindo os impactos para a vida escolar, os prejuízos psicossociais e a interferência na socialização da nova geração.  

O programa recebe a psicóloga e consultora educacional Rosely Sayão e o médico pediatra Paulo Telles. Segundo Telles, em vez de questionarem qual idade é ideal para a criança ter um celular, os pais podem se perguntar se ela realmente precisa de um aparelho.  

“Acho interessante devolver a pergunta com outra pergunta. Por que seu filho precisa de um celular? Você consegue justificar para mim por que ele precisa? A resposta normalmente é ‘porque todas as crianças têm’ ou ‘porque todos os amigos têm’. São péssimas respostas”, diz.  

Hoje em dia existe um status, às vezes uma pessoa que não tem nenhuma condição trabalha e trabalha para dar celular ao filho e muitas vezes fazem um malefício gigantesco.

O médico pediatra ainda citou alguns dos malefícios que o celular pode causar no desenvolvimento físico de crianças e adolescentes.  

“Na parte física são muitos problemas. E, quanto menor a idade, pior vai ser o resultado. Estamos falando em problemas visuais, há hoje um surto de miopia pelo uso do aparelho muito próximo; problemas de audição, devido aos fones de ouvido; obesidade, por que a criança deixa de sair, se divertir e brincar para ficar na frente da tela, aumentando o sedentarismo e comendo muito mais por causa da ansiedade; e problemas ortopédicos, já que ela não sai da cadeira. Tudo isso sem falar na parte mental, que pode ser até pior.”

Participam como entrevistadores os jornalistas Fernando Mitre e Thais Dias. A apresentação é de Rodolfo Schneider. O BandNews TV, na TV fechada, e o canal Band Jornalismo, no YouTube, transmitem o Canal Livre às 20h. Depois do “Top Cine”, o programa é reexibido na TV aberta, na tela da Band, às 23h30.

Mais notícias

Carregar mais