Notícias

Chuvas no Recife deixam 34 mortos e mais de 1 mil desabrigados

Só nas últimas 24 horas, 29 pessoas morreram. 20 delas foram vítimas de um deslizamento de terra

Da redação, com BandNews TV e Jornal da Band 28/05/2022 • 20:51

Chegou a 34 o número de mortes em deslizamentos de barreira confirmadas no Grande Recife neste sábado. O total de desalojados é de 335 e desabrigados chega a 1.026.

Só nas últimas 24 horas, 29 pessoas morreram. 20 delas foram vítimas de um deslizamento de terra na comunidade Jardim Monte Verde, no bairro do Ibura, na Zona Sul da capital pernambucana.

A Polícia Rodoviária relatou diversos pontos de alagamento e deslizamento na BR 232. Parte da via está interditada.

Moradores também registraram o momento que uma casa desabou e foi levada pela correnteza, na cidade de Macaparana, a 120 quilômetros do Recife.

O Metrô da cidade também teve estações inundadas e linha teve que ser fechada.

De acordo com os modelos meteorológicos, deve ter chuva de intensa a moderada ainda neste domingo. 

O governador de Pernambuco, Paulo Câmara, pediu ajuda às forças armadas e reforçou o socorro às vítimas das fortes chuvas que atingiram a cidade de Recife nos últimos dias.

A prefeitura de Recife enviou mensagens de texto para mais de 30 mil famílias que moram em áreas consideradas de risco para que elas deixem suas casas.

De acordo com dados da prefeitura, em algumas localidades de Recife choveu um acumulado de 428 milímetros nas últimas 96 horas. 

Na manhã deste sábado (28), duas pessoas foram encontradas mortas após deslizamentos de barreiras na Grande Recife. Uma das vítimas foi localizada no Córrego do Jenipapo e outra no Sítio dos Pintos. As buscas por mais pessoas soterradas continuam.

“Esse é o momento mais desafiador que a cidade de Recife já viveu nos últimos 50 anos. Não tivemos um registro de algo dessa magnitude”, disse em entrevista a José Luiz Datena, no Brasil Urgente.