Notícias

SP lança ciclorrota de 75 km que liga quatro cidades do interior

"Rota das Frutas" integra os municípios de Jundiaí, Louveira, Vinhedo e Itatiba

Fernanda Borges no Jornal Metro 27/01/2022 • 07:12 - Atualizado em 27/01/2022 • 07:48
SP lança ciclorrota de 75 km que liga quatro cidades do interior
SP lança ciclorrota de 75 km que liga quatro cidades do interior
Pixabay

O Governo de São Paulo anunciou nesta quarta-feira (26) a conclusão de uma ciclorrota com 75 km na região conhecida como Rota das Frutas, que integra os municípios de Jundiaí, Louveira, Vinhedo e Itatiba. O lançamento oficial ocorre no sábado (29).

De acordo com o governador João Doria (PSDB), a iniciativa de oferecer um espaço para os ciclistas nas rodovias estaduais é “inédita no país”. A ideia, segundo ele, é estimular o deslocamento seguro e sustentável, além de integrar os quatro municípios de “grande vocação para o turismo”.

“Todo o trajeto está devidamente sinalizado, com padrões internacionais, e assistência aos ciclistas. Toda a estrutura pensada não só para quem apreciam essa prática do ciclismo, mas também para o turismo. A nova ciclorrota propõe e cria oportunidades de novos empregos e novos negócios para toda a região. Essa é a primeira ciclorrota em estradas implantada no país, com investimento 100% privado”, explicou o governador.

O trajeto da Rota das Frutas passa por pontos turísticos como o Mosteiro de São Bento, no município de Vinhedo, pela estação ferroviária, em Louveira, além de inúmeras propriedades frutíferas e comércios regionais.

Vídeo: bicicletas ganham mais terreno nas cidades

“Com toda a estrutura pensada para o turismo, as ciclorrotas acrescentam novas oportunidades de negócios e mais uma oportunidade de acesso à população, incluindo Serra Azul”, disse o secretário Estadual de Turismo e Viagens, Vinicius Lummertz.

O secretário Estadual de Logística e Transportes, João Octaviano, destacou que o projeto total incluiu 300 km de ciclorrotas, sendo que 89 km já estão prontos.

“Essa ciclorrota que será inaugurada tem 75 km e se soma a mais 14 km que foram lançados no fim do ano passado em Holambra. Já temos 89 km de um total de 300 km que serão implantados no estado, tanto para o lazer quanto a prática de esportes”, explicou.

Desenvolvimento turístico

O governo paulista ressaltou que a ideia de incentivar o ciclismo na Rota das Frutas visa impactar no desenvolvimento do turismo no interior do estado.

Constituído em novembro do ano passado, Serra Azul se tornou o segundo distrito turístico de São Paulo e compreende áreas dos municípios de Itupeva, Jundiaí, Louveira e Vinhedo. Já em sua primeira reunião, o Conselho Gestor deve estabelecer resolução conjunta para tornar o distrito um espaço com circulação totalmente acessível aos ciclistas.

O Distrito Turístico de Serra Azul oferece dois parques temáticos, Wet’n Wild e Hopi Hari, o maior outlet da América Latina e um shopping suspenso na rodovia dos Bandeirantes.

Este texto foi originalmente publicado no METRO JORNAL