Notícias

Com Joe Biden e Zuckerberg, Rússia divulga lista de 963 americanos banidos

A ação é uma represália pelas sanções adotadas por Washington

Da redação 22/05/2022 • 18:29
Biden e Zuckerberg estão proibidos de entrar na Rússia
Biden e Zuckerberg estão proibidos de entrar na Rússia
Arquivo Agência Brasil

A Rússia publicou uma lista com 963 personalidades americanas proibidas de entrarem no país, em represália pelas sanções adotadas por Washington desde o começo da Guerra na Ucrânia.

Entre os nomes, estão o presidente Joe Biden e seu filho Robert Hunter Biden. Também estão na lista o Secretário de Estado, Antony Blinken, o secretário da Defesa, Lloyd Austin, e o diretor da CIA, William Burns.

O empresário e dono do META, Mark Zuckerberg també figura na lista. Os aplicativos da empresa estão proibidos no país. 

O ator Morgan Freeman, que é acusado pela diplomacia russa de ter gravado, em 2017, um vídeo no qual afirmava que a Rússia estava realizando um "complô" contra os Estados Unidos também está banido. 

Uma curiosidade da lista é que alguns dos 963 americanos proibidos de entrar na Rússia já estão mortos. Entre eles incluem-se John McCain, Harry Reid e Orrin Hatch.