Notícias

CPI da Pandemia ouve reverendo Amilton Gomes de Paula

Ele é apontado como responsável por abrir as portas do Ministério da Saúde à empresa Davati Medical Supply, que tinha o cabo da Polícia Militar Luiz Paulo Dominguetti como representante

Da Redação, com Agência Senado 03/08/2021 • 12:21

O reverendo Amilton Gomes de Paula presta depoimento na manhã desta terça-feira (03) na CPI da Pandemia. Ele é questionado sobre o seu papel na intermediação de vacinas entre empresas e o governo federal.

Ele é apontado como responsável por abrir as portas do Ministério da Saúde à empresa Davati Medical Supply, que tinha o cabo da Polícia Militar Luiz Paulo Dominguetti como representante.

Já na quarta (04), deverá comparecer o coronel Marcelo Blanco e, na quinta-feira (05), o empresário Airton Cascavel. Inicialmente, estava previsto o depoimento de Francisco Maximiano, sócio da Precisa Medicamentos.

O empresário, no entanto, está viajando e deverá ter a oitiva adiada para a próxima semana. A previsão é que ele retorne ao Brasil em 9 de agosto.

Até essa data, os parlamentares discutem se vão reter seu passaporte ou, até mesmo, se pedirão sua prisão preventiva. A relação entre os senadores e o empresário se desgastou depois de ele desmarcar duas vezes seu depoimento à CPI.

  • CPI
  • pandemia
  • reverendo
  • Amilton Gomes de Paula
  • depoimento