Notícias

"É o pior momento da pandemia na Bahia", diz governador

Da Redação, com BandNews FM 19/02/2021 • 17:35 - Atualizado em 19/02/2021 • 18:47

Em entrevista à BandNews FM, o governador da Bahia Rui Costa (PT) afirmou que a rede de saúde privada está com ocupação em alta e os pacientes com planos de saúde estão procurando atendimento em hospitais públicos. 

"É o pior momento da pandemia na Bahia", cravou.

Segundo Rui Costa, o Estado atingiu a maior ocupação dos leitos públicos desde o início da pandemia. Por isso, o toque de recolher que começa nesta sexta-feira é tão necessário. A população só deve sair de casa em casos excepcionais entre 22h e 5h em 343 cidades baianas.

Atualmente, 864 leitos de UTIs do SUS estão com pacientes e caso a ocupação fique acima de 80%, as restrições de circulação podem aumentar. Costa afirmou ainda que as medidas de restrição serão avaliadas diariamente.

Sobre flexibilizações do decreto de toque de recolher do estado por municípios do interior, o governador afirmou que a Polícia Militar vai coibir qualquer atividade não prevista no decreto estadual e que é preciso consciência dos prefeitos nesse momento.

O governador criticou ainda as medidas judiciais do Governo Federal que proibiram a implantação de barreiras sanitárias em aeroportos e estradas que cortam o estado.

O político afirma que a rede de saúde do Estado está em situação crítica e que o ritmo de crescimento das infecções preocupa. 

  • Rui Costa
  • Bahia
  • covid-19