Notícias

Filho de Joe Biden começa a ser julgado nos EUA por posse ilegal de arma

O julgamento pode afetar a reeleição do presidente Joe Biden, em campanha contra o recém-condenado Donald Trump

Por Moises Rabinovici

Filho de Joe Biden começa a ser julgado nos EUA por posse ilegal de arma
REUTERS/Nathan Howard/File Photo

Hunter Biden, o filho do presidente dos EUA, começa a ser julgado nesta segunda-feira (3), por posse ilegal de arma quando era viciado em crack e álcool, uma violação da lei federal. Se condenado, a pena pode chegar a 25 anos de prisão. O julgamento pode afetar a reeleição do presidente Biden, em campanha contra o recém-condenado Donald Trump.

Hallie Biden, a viúva de Beau Biden, o filho mais velho de Joe Biden que morreu de câncer no cérebro, em 2015, estava tendo um caso com o cunhado, Hunter. Um dia, em outubro de 2018, voltando para casa depois de deixar os dois filhos na escola, ela foi ver o que Hunter guardava no porta-luvas de seu carro. Encontrou um Colt Cobra .38, que enfiou na bolsa e o jogou no lixo de uma mercearia, distante alguns quilômetros.

“Você está maluca?”, reagiu Hunter quando Hallie lhe contou do revólver.

“Vá para um centro de reabilitação local, isto tem de acabar”, respondeu Hallie . “Não fuja outra vez. Por favor, não vá embora.”

A polícia chegou. E daí se desenrola um drama que começa a ser julgado hoje, quando Hunter está recuperado das drogas e não vive mais com Hallie, arrolada como testemunha, e que alguns colunistas da imprensa americana dizem que se casou neste fim de semana com John Hopkins Anning, um corretor financeiro de Ohio.

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais