Notícias

G7: Líderes de países ricos prometem doar 1 bilhão de doses de vacinas

Encontro deve discutir questões climáticas e a saída da pandemia

Da redação com BandNews TV 11/06/2021 • 18:04

Líderes dos sete países mais ricos do mundo estão reunidos na cúpula do G7 na região da Cornualha, na Inglaterra. Esse é o primeiro encontro presencial dos chefes de estado desde o início da pandemia.  

Essa é também a primeira viagem internacional de Joe Biden como presidente dos Estados Unidos. O democrata busca uma reaproximação com os países europeus depois da gestão Trump e quer que a UE se comprometa a tratar China e Rússia com pulso firme.  

O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, vê com bons olhos o posicionamento de Biden e fala em uma relação indestrutível com os EUA.

Os chefes de estado devem trazer à mesa questões relacionadas às mudanças climáticas e ao retorno à normalidade depois da pandemia.

Os países ricos prometem doar até 1 bilhão de doses de vacinas contra a Covid-19. Biden quer ceder 500 milhões de unidades por meio do consórcio Covax Facility, da OMS.

O encontro começou hoje e acontece até domingo na região litorânea da Cornualha, na Inglaterra. A sede tem mais de 7 mil policiais dedicados à segurança e há até restrições aos moradores do local.

O Brasil esperava um convite para a reunião, mas pela terceira vez seguida ficou de fora. A correspondente do Grupo Bandeirantes em Londres, Fernanda Zaffari, diz que a situação da pandemia foi determinante para esse desprestígio: "A imagem que se tem do Brasil aqui é de descontrole. Não é a toa que o país está na lista vermelha de viagens com as restrições mais severas".

Como de costume, manifestantes marcaram presença. Até agora, os atos foram pacíficos e pedem medidas mais concretas no combate às mudanças climáticas.