Notícias

Homem que dirigia carro que causou acidente em concessionária de São Paulo não tem CNH

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública de São Paulo, três pessoas, incluindo o manobrista, de 29 anos, e duas recepcionistas, de 19 e 22 anos, ficaram feridas

Elaine Freires, da BandNews FM 28/09/2021 • 07:22 - Atualizado em 28/09/2021 • 11:44

O homem que dirigia o carro que causou um acidente em uma concessionária na Avenida Rio Branco, no centro de São Paulo, na manhã desta última segunda-feira (28), não tinha permissão para dirigir.

De acordo com a Secretaria da Segurança Pública de São Paulo, três pessoas, incluindo o manobrista, de 29 anos, e duas recepcionistas, de 19 e 22 anos, ficaram feridas. 

Segundo testemunhas, o funcionário é de uma empresa terceirizada encarregada de realizar a lavagem de veículos. 

Ele estava retornando da lavagem para estacionar o veículo no mezanino, no segundo piso, quando perdeu o controle do carro e despencou com o automóvel na recepção, atingindo as duas vítimas.

O carro caiu de uma altura de seis metros em direção ao térreo. Havia apenas uma mureta de vidro de proteção, que foi quebrada. 

O manobrista fraturou a perna e foi levado ao Hospital das Clínicas. As mulheres que estavam na recepção também foram levadas para hospitais. A mais jovem se feriu gravemente e foi socorrida pelo helicóptero Águia, da Polícia Militar. Ela teve diversas fraturas pelo corpo e também foi levada ao HC. A outra vítima teve ferimentos leves e foi encaminhada para o Pronto-Socorro da Santa Casa.

Procurado pela reportagem da BandNews FM, o Grupo Faria, responsável pela Concessionária Faria da Volskwagen, onde aconteceu o acidente, disse que todo o suporte necessário está sendo prestado às vítimas e as causas do acidente serão investigadas.

O caso foi registrado no Segundo Departamento Policial do Bom Retiro como lesão corporal culposa na direção de veículo automotor e dirigir sem permissão ou habilitação e foi encaminhado ao 77º DP Santa Cecília.

  • Segurança Pública