Jornal da Band

Ações do Twitter despencam após fala de Elon Musk

Bilionário chegou a dizer que a compra da rede social estava suspensa, mas voltou atrás e disse que o negócio ainda esta de pé

Eduardo Barão 13/05/2022 • 19:45
Ações do Twitter despencam após fala de Elon Musk
Ações do Twitter despencam após fala de Elon Musk
Reuters

As ações do Twitter caíram após o bilionário Elon Musk afirmar que a compra da rede social estava suspensa.

O motivo, segundo Musk, era que a empresa deveria comprovar que contas falsas e de spam representam menos de 5% do total de seus usuários. Só que horas depois, Musk disse que o negócio ainda estava de pé.

O bilionário já havia anunciado que sua prioridade ao adquirir a rede social seria remover contas falsas para aumentar o valor da companhia. Porém, investidores acreditam que Musk está tentando baixar o valor do negócio, apontando que o número de robôs é maior do que o estimado. O Twitter diz que tem 229 milhões de usuários na plataforma.

Essas idas e vindas de Elon Musk que mexem com o mercado financeiro não são novidade e, por isso, ele tem respondido a processos.

Em 2018, ele pagou uma multa de US$ 20 milhões e foi obrigado a deixar a presidência de sua principal empresa, a Tesla.

A condenação foi imposta pela agencia reguladora do mercado americano que acusou o executivo de fraude na bolsa, após ter dito no Twitter que iria fechar o capital da empresa de carros elétricos.