Jornal da Band

Brasil segue exemplo de outros países e se coloca no centro de novo mapa-múndi

Japoneses, por exemplo, usam desde 2016 um formato de mapa em que o Japão está no centro

Da redação

  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
  • facebook
  • twitter
  • whatsapp
Brasil fica no centro do planeta em novo mapa-múndi do IBGE
Divulgação/IBGE

Os professores de geografia terão mais um assunto para discutirem com os alunos. Afinal, existe um modelo certo de mapa-múndi? Isso porque o Brasil seguiu o exemplo de outros países ao se colocar no centro da Terra, do ponto de vista cartográfico.

Os primeiros mapas, por exemplo, foram feitos em pedra pelos babilônios no século VI antes de Cristo, enquanto a representação mais conhecida, atualmente, é do cartógrafo belga Gerhard Mercator, de 1569.

Em 1974, surgiu um novo mapa-múndi, concebido pelo historiador alemão Arno Peters. Ele manteve a Europa no centro e decidiu colocar meridianos e paralelos retos, o que deixou os continentes mais alongados.

O mapa-múndi é uma representação plana de uma esfera. Por isso, é normal existirem distorções. A nova cartografia apresentada pelo Instituo Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), com o Brasil no centro, faz parte da 9ª edição do Atlas Geográfico Escolar. Apesar de ser uma novidade para os brasileiros, outros países já adotam essa ideia.

Os japoneses, por exemplo, usam desde 2016 um formato de mapa em que o Japão está no centro. Estados Unidos e Austrália também têm mapas adaptados com seu território centralizado.

Tópicos relacionados

  • facebook
  • twitter
  • whatsapp

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.