Jornal da Band

Governo federal pagará 2 salários a trabalhadores gaúchos para evitar demissões

Em visita ao Rio Grande do Sul, Lula anunciou programa de ajuda para as empresas que pagará dois salários a trabalhadores atingidos pela enchente

Da redação

No Rio Grande do Sul, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) apresentou uma proposta para as empresas evitarem demissões no estado. O governo federal pagará dois salários mínimos para mais de 400 mil trabalhadores.

A medida foi anunciada na cidade de Arroio do Meio, onde bairros inteiros foram devastados pelas enchentes. O plano do governo é pagar um salário mínimo por dois meses para trabalhadores de cidades atingidas pela tragédia.

Em troca, as empresas terão que garantir a estabilidade dos funcionários por quatro meses. A ajuda custará mais de R$ 1 bilhão e pode alcançar 434 mil trabalhadores gaúchos. As empresas decidirão se participam ou não do programa.

Esta é a quarta visita de Lula ao Rio Grande do Sul, desde o início da tragédia. A primeira parada do presidente foi num bairro de Cruzeiro Do Sul, no Vale do Taquari, onde 600 casas ruíram nas cheias.

O governo gaúcho já trabalha para transferir as famílias que moravam no bairro para outra região da cidade.

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais