É para tomar, não escolher: todas as vacinas aprovadas são eficazes

20% dos postos ficaram sem vacina em São Paulo. E ainda tem gente querendo escolher qual tomar.