Notícias

Laboratório mexicano oferece exames falsos de Covid para brasileiros voltarem ao País

Da Redação, com Jornal da Band 04/01/2021 • 20:56
Print de tela de conversa onde os exames falsos são oferecidos
Print de tela de conversa onde os exames falsos são oferecidos
Reprodução TV

Brasileiros tem recorrido a testes falsos para conseguir voltar ao país. Desde 30 de dezembro, o exame negativo para Covid-19 é exigido para viajar ao Brasil. A equipe do Jornal da Band se passou por interessados no exame falso. A conversa foi toda gravada e revela a fraude.

O exame falso de RT-PCR, que detecta a presença do coronavírus no organismo, é oferecido por um representante de um laboratório em Cancún, no México.

Por US$ 200 (cerca de R$ 1.000), o homem garante um laudo com o resultado negativo para o vírus.

Com a dificuldade de realizar os testes fora do país ou com medo de um resultado positivo, muitos brasileiros têm recorrido a laudos falsos para voltar.

Em uma conversa por um aplicativo de mensagens com outro homem que oferece o serviço, o preço é o mesmo: US$ 200. Ele chega a enviar uma dúzia de exames que, segundo ele, tinham sido entregues naquele dia. Minutos depois, as mensagens foram apagadas.
 

  • coronavírus
  • rt-pcr
  • pandemia