Notícias

Morre Jorge Picciani, ex-deputado e ex-presidente da Alerj

Político de 66 anos tratava um câncer na bexiga

Da Redação, com BandNews FM Rio e BandNews TV 14/05/2021 • 09:33

O ex-presidente da Assembleia Legislativa do Rio, Jorge Picciani, morreu nesta sexta-feira (14), aos 66 anos. Ele estava internado em um hospital em São Paulo, onde realizava tratamento contra um câncer na bexiga. As informações são da BandNews FM Rio.

Picciani cumpriu seis mandatos como deputado estadual, e depois ocupou a presidência da Alerj por cinco mandatos, sendo quatro de forma consecutiva, entre 2003 e 2010. O último mandato foi em 2015, quando recebeu 65 dos 70 votos dos deputados estaduais.

Em 2017, Jorge Picciani teve a prisão preventiva decretada após uma denúncia do Ministério Público Federal apontar o recebimento de propina da Fetranspor e da Odebrecht, a fim de atuar em favor dos interesses das empresas junto à Alerj. Em 2018, o STF concedeu prisão domiciliar a Picciani em razão do tratamento médico.

A Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro lamentou a morte do ex-deputado e ex-presisente da Casa. O presidente da Alerj, André Ceciliano, ofereceu as instalações do Salão Getúlio Vargas para o velório, que deve acontecer no inicio da noite desta sexta-feira (14). A Casa irá decretar luto oficial de três dias.

  • Jorge Picciani
  • Alerj