Notícias

MP pede R$ 122 milhões a Pazuello por omissão na pandemia

Ação por por improbidade administrativa cita danos aos cofres públicos por negligência e demora na compra de vacinas

Da Redação 02/07/2021 • 12:17

O Ministério Público enviou à Justiça Federal uma ação contra o ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello por improbidade administrativa.

A ação pede quase R$ 122 milhões por danos aos cofres públicos e fala em negligência no combate à pandemia por demora na compra de vacinas, falhas na distribuição de testes de Covid-19 e a compra de remédios sem eficácia comprovada contra a doença. O documento foi assinado por oito procuradores.

O cálculo feito pelos procuradores é de que a gestão de Pazuello provocou um aumento de custos à União com a alta de internações.

A ação corre na esfera cível, então ela não vai gerar sanções criminais, como prisão. Pazuello pode ter que devolver os R$ 122 milhões aos cofres públicos, pode receber multa de até duas vezes esse valor e perder seu cargo e direitos políticos.