Notícias

Oferta menor e preço alto deixam carne mais longe da mesa dos brasileiros

Da Redação, com Jornal da Band 21/01/2021 • 19:54 - Atualizado em 21/01/2021 • 20:09

O brasileiro consumiu menos carne em 2020. Apensar de haver menos oferta no mercado, o preço é que espantou, e ainda espanta, muitos consumidores. As informações são do Jornal da Band.

Carne na mesa todo dia virou artigo de luxo para muita gente. Só em 2020, o aumento foi de 18%.

Em 2020, o total de carne no mercado medido pelo Conselho Nacional de Abastecimento (Conab) foi o menor dos últimos 5 anos. Foram 30 kg por habitante, 5% menos que em 2019.

A queda se deu por dois motivos: menos gado foi abatido no país em 2020, diminuindo a oferta. Enquanto isso, a China acelerou a importação, sobrando ainda menos para os brasileiros.

Na hora do consumidor escolher o que levar para casa, o primeiro esforço é buscar na prateleira algo que caiba no orçamento. Movimentação que deve continuar ao longo de 2021. O churrasco deve ficar para depois.

  • carne
  • economia
  • conab