Notícias

Oinegue: novo atrito com a China mostra um Brasil perdido nas relações internacionais

Da Redação, com Jornal da Band 26/11/2020 • 21:24 - Atualizado em 26/11/2020 • 22:04
Oinegue comenta o novo atrito diplomático do Brasil com a China
Oinegue comenta o novo atrito diplomático do Brasil com a China
Reprodução TV

No Jornal da Band desta quinta-feira (26), o jornalista e âncora Eduardo Oinegue criticou a postura do Itamaraty em meio a mais um atrito entre o governo brasileiro e chinês.

Oinegue ironizou uma carta do ministério chamando de ofensiva e desrespeitosa a reação da embaixada do país asiático após publicações do deputado Eduardo Bolsonaro nas redes sociais.

“Quem fez uma manifestação ofensiva e desrespeitosa foi o deputado Eduardo Bolsonaro e quem tem que ser alertado que não deve tratar das relações entre o Brasil e a China pelas redes sociais é o deputado Eduardo Bolsonaro. Realmente, quando o assunto são as relações internacionais, o Brasil está completamente perdido", disse Oinegue.

Assista ao comentário de Oinegue:

Entenda o caso:

Na última segunda, Eduardo Bolsonaro endossou pelas redes sociais a iniciativa dos Estados Unidos para manter a segurança da tecnologia, afirmando que o governo brasileiro apoia uma aliança global para “um 5G seguro, sem espionagem da China".

A postagem foi apagada, mas mesmo assim parlamentares pediram que ele saia da presidência da Comissão de Relações Exteriores da Câmara.

A embaixada da China afirmou que Eduardo e outros críticos deveriam abandonar declarações infundadas para evitar consequências negativas.

Nesta quinta, em um seminário do conselho empresarial Brasil-China, o vice-presidente Hamilton Mourão defendeu as boas relações entre os dois países.

Confira a reportagem do Jornal da Band sobre o caso:

  • Jornal da Band
  • brasil
  • china
  • eduardo bolsonaro