Notícias

Padrasto e mãe são presos acusados da morte de menina de 4 anos em Petrópolis (RJ)

Os dois vão responder por tortura e homicídio qualificado

Agatha Meirelles, da BandNews FM no BandNews TV 20/07/2021 • 14:47

Já estão no presídio o padrasto e a mãe de uma menina de 4 anos, morta após ser espancada em Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro. Os dois vão responder por tortura e homicídio qualificado. O homem de 27 anos e a mulher, de 29, tiveram a prisão convertida em preventiva após decisão da Justiça.

Eles foram presos pela Polícia Civil após a conclusão de que a menina Angelina teria sido espancada pelo padrasto e a mãe omitiu o fato.

Segundo laudo da perícia, a causa da morte foi traumatismo craniano por espancamento e hemorragia. O delegado João Valentim, responsável pela investigação, explica que a criança chegou a ser levada por hospital e, logo após a morte, os policiais desconfiaram da versão apresentada.

Ainda segundo a Polícia, vizinhos e parentes prestaram depoimento. A perícia constatou também que a criança já tinha sido queimada em uma outra ocasião.

Testemunhas confirmaram as agressões aos investigadores. Pelas câmeras de segurança do entorno da casa, é possível observar a menina Angelina sendo levada no colo da mãe sem nenhum tipo de cuidado.