Notícias

Em Goiás, Polícia Federal pede prisão do Padre Robson de Oliveira

Religioso é alvo de denúncias de investigação do Ministério Público de Goiás por suspeita de lavagem de dinheiro

Da Redação, com BandNews TV 19/11/2021 • 10:46 - Atualizado em 19/11/2021 • 12:23

A Polícia Federal enviou nesta quarta-feira (18) ao STJ (Superior Tribunal de Justiça) um pedido de prisão contra o padre Robson de Oliveira, do Santuário Pai Eterno, em Trindade (GO).

A motivação para o pedido foi um áudio anexado ao processo, que supostamente mostraria a compra de uma sentença favorável ao padre na Justiça de Goiás.

O relator do caso, ministro Benedito Gonçalves, ainda não decidiu se atende ao pedido da Polícia Federal.

A defesa do padre confirmou a existência do pedido, mas ainda não se manifestou a respeito de um eventual habeas corpus preventivo.

O padro Robson é alvo de denúncias de investigação do Ministério Público de Goiás por suspeita de lavagem de dinheiro de doações de fieis da basílica em Trindade.

Em maio, o STJ decidiu manter arquivada a ação que investigava o padre, confirmando a decisão da Justiça estadual. Os prejuízos passam dos R$ 100 milhões.