Notícias

Preço do arroz varia até 60% a depender do bairro em SP

Levantamento do Procon de junho reforça importância de pesquisar preços, mesmo entre lojas de uma mesma rede de supermercado

Preço do arroz varia até 60% a depender do bairro em SP
Reprodução/BandNews FM

O preço do arroz pode variar até 60%, dependendo da região de São Paulo onde é comprado, aponta levantamento do Procon de junho. Os pesquisadores percorreram a pé diversos supermercados para obter dados sobre a oferta e a variação dos preços.

Um pacote de 1 kg de arroz integral parboilizado da mesma marca foi encontrado a R$ 6 em um estabelecimento na zona norte, enquanto nos supermercados das zonas leste e oeste o mesmo produto custava quase R$ 10.  

No caso do arroz branco tipo 1, que é o mais consumido no país, o pacote de 5 kg variou de R$ 30 a R$ 43, dependendo da marca. Essa variação de preços mostra a importância de pesquisar antes de comprar, mesmo dentro da mesma rede de supermercados.  

Enchentes no RS e previsão próxima safra

A tragédia climática no Rio Grande do Sul — responsável por 70% do arroz consumido no país — também teve impacto no mercado. 

No mês passado, algumas lojas limitaram a quantidade de arroz que cada cliente podia comprar, medida que já foi suspensa. 

Atualmente, a oferta está ampla e sem restrições, com todos os mercados abastecidos.

No entanto, a previsão para a próxima safra é preocupante. O IBGE informou que a produtividade do cultivo de arroz no país caiu 4,3% devido às condições climáticas desfavoráveis.  

Para a safra de 2023-2024, a produção total de grãos no Brasil, incluindo soja, arroz e milho, será de 297 milhões de toneladas, uma redução de 7% em relação à safra anterior. 

Essa diminuição já era esperada, considerando a combinação de chuvas intensas e períodos de seca que afetaram diversas regiões.

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais