Band Multi

Mulher é presa ao tentar atear fogo em ex-marido e ônibus de Campinas

Vítima é motorista de ônibus e realizava o desembarque de passageiros no momento da confusão

Da Redação

Uma mulher, de 52 anos, foi presa em flagrante ao tentar atear fogo no ex-marido, que é motorista de ônibus, e no coletivo em que ele trabalhava, dentro do Terminal Central de Campinas (SP), na noite desta quinta-feira (22).

De acordo com o boletim de ocorrência, a Guarda Municipal (GM) foi acionada pelos seguranças do terminal para conter a confusão. No local, encontrou a mulher, bastante alterada, com um cigarro na boca e um isqueiro nas mãos. 

Aos guardas, o motorista, de 55 anos, relatou que é ex-marido da suspeita, que ela teria entrado no ônibus já descontrolada e jogado querosene na camisa dele e dentro do coletivo, ameaçando colocar fogo usando um cigarro. 

O homem contou ainda que o motivo do descontrole seria a guarda dos filhos, que ele conseguiu na Justiça há pouco tempo.

A camisa do motorista encharcada de querosene, bem como a embalagem do produto, foram apreendidas. Foi solicitada perícia no coletivo. 

A mulher foi detida e encaminhada ao 1º Distrito Policial de Campinas, onde foi presa por tentativa de incêndio.  

Tópicos relacionados