Band Vale

Empresas da RMVale se unem para combater à dengue, aliando inovação à tecnologia

Um projeto no combate à pragas urbanas, oferecido como pioneiro no Vale, vem movimentando as prefeituras da região: trata-se da pulverização via drones.

Redação Band Vale

Empresas
Empresas
Reprodução

A engenheira agrônoma Paula Jasper Chemin é sócio fundadora da Engeprag, empresa que há 12 anos está no mercado, fazendo o controle de pragas urbanas, em cidades do Vale do Paraíba. Recentemente conheceu uma equipe de pilotos de drones e resolveu aliar o seu trabalho à tecnologia aérea. Eduardo Lucas e Glauco Costa são proprietários da OUTBOX, empresa que atua no monitoramento com drones e faz também mapeamentos agrícolas através de dados capturados por equipamentos de alta tecnologia.

“Nossa equipe trabalha com drones de alta qualidade em imagens e sensores. A partir disso, nossos equipamentos são capazes de entrar em áreas de difícil acesso e demarcar com mais precisão as áreas afetadas.”, conta Claudiney Sousa, piloto de drone que trabalha há 30 anos na área.

Complementando o trabalho dos drones, Paula enxerga o trabalho agregado, como um ponto super positivo em relação ao tratamento e combate ao mosquito da dengue: “A gente consegue mapear direitinho os pontos críticos e assim, aplicar de maneira precisa e direcionada, reduzindo o desperdício de produtos.” Inclusive, por se tratar de uma aplicação “no ar”, Paula garante que o produto utilizado é totalmente biológico, ou seja, não faz mal, absolutamente para as pessoas, animais e ambientes.

O momento é propício para o trabalho que estas duas empresas desenvolveram juntas e promissor para um futuro próximo. Depois da covid, a epidemia da dengue vem preocupando algumas cidades da região. “Quando tivemos o convite da Paula e do Ever, engenheiro e também sócio da Engeprag, para entrarmos nesse campo, não tivemos dúvidas que criar uma sociedade em prol de um trabalho efetivo, só agregaria nossa missão de fazer mais um serviço de excelência com nossos equipamentos.” conta Eduardo, da OUTBOX.

O movimento na busca pela trabalho agregado está em alta nas prefeituras do Vale do Paraíba e Litoral Norte. As empresas estão sendo fortemente procuradas e estão otimistas no desenvolvimento dos trabalhos, mas também não descartam parcerias com iniciativas privadas.