Band Vale

PM pede prisão preventiva de nove policiais investigados por morte na zona sul de São José dos Campos

Morte motivou protesto na comunidade Santa Cruz, no dia 13 de setembro

Redação 25/09/2021 • 11:24 - Atualizado em 25/09/2021 • 16:15
Abordagem policial terminou com morte de suspeito
Abordagem policial terminou com morte de suspeito
Rauston Naves

A Polícia Militar instaurou inquérito para investigar a ocorrência do dia 9 de setembro, em que um jovem morreu durante confronto com a polícia no bairro São Judas, na zona sul de São José dos Campos. Os outros três suspeitos foram presos. 

A Justiça Militar analisou novas provas, que constataram irregularidades na abordagem dos PMs, e pediu a prisão preventiva dos nove policiais envolvidos no caso. O pedido de prisão está sob análise da Justiça. Em nota, a PM esclarece ainda que “todos os envolvidos seguem afastados de quaisquer atividades operacionais”.

Protesto na comunidade Santa Cruz

A morte do homem motivou o protesto de moradores da comunidade Santa Cruz na tarde de segunda-feira (13), em São José dos Campos. 

Moradores da comunidade interditaram o trânsito na avenida Teotônio Vilela, no sentido Centro, e colocaram fogo em pelo menos quatro veículos, sendo um caminhão.

Pessoas próximas ao local relatam troca de tiros. O Baep, batalhão de elite da Polícia Militar entrou na comunidade em busca dos criminosos que interditaram o trânsito e roubaram veículos para poder incendiá-los.