BandNews FM

Polícia Legislativa pericia câmeras e termina inquérito sobre agressão de deputada

Joice Hasselmann afirma ter sido agredida enquanto dormia no apartamento funcional que ocupa

BandNews FM 27/07/2021 • 13:44 - Atualizado em 27/07/2021 • 14:12
Joice Hasselmann não lembra das agressões, mas afirma que acordou em uma poça de sangue.
Joice Hasselmann não lembra das agressões, mas afirma que acordou em uma poça de sangue.
Foto: Reprodução/Instagram

A Polícia Legislativa da Câmara dos Deputados terminou nesta terça-feira (27) a perícia nas câmeras do prédio onde fica o apartamento funcional da deputada Joice Hasselmann. A parlamentar afirma ter sido agredida enquanto dormia no imóvel e pediu para que o caso fosse investigado pelo setor responsável da Câmara.

Segundo a Depol, além da análise nas 16 câmeras do edifício, funcionários que trabalham no local também foram ouvidos.

A Câmara afirmou que há segurança na região onde ficam os apartamentos funcionais dos parlamentares, com vigilância armada e porteiros, ambos 24 horas por dia, sete dias por semana. Além disso, ocorrem rondas ostensivas, com viatura caracterizada, pela região dos imóveis funcionais.

O Depol informou também que já enviou o inquérito do caso para o Ministério Público Federal e cabe ao Procurador da República oferecer ou não a denúncia à Justiça Federal. Outros detalhes não foram divulgados.

Existe ainda um inquérito aberto pela Polícia Civil do Distrito Federal para investigar a situação. Nesta segunda (26), Joice esteve em uma delegacia para levar um objeto que pode ser do agressor. Ela também realizou um exame no Instituto Médico Legal.

Joice afirma que dormiu assistindo série no último sábado (24) e acordou já no domingo (25) com vários hematomas e em uma poça de sangue no banheiro do apartamento. A deputada afirmou que pediu socorro ao marido, que dormia em outro quarto do imóvel e não ouviu nada. A parlamentar afirma não se lembrar do que aconteceu, mas apresentou o nome de duas pessoas suspeitas ao delegado responsável pela investigação aberta.

  • Joice Hasselmann
  • Polícia
  • agressão