Melhor da Tarde

Boninho denuncia venda de vagas para o BBB 22 por R$ 250

Diretor alertou fãs do reality show sobre perfil que estava cobrando taxa de inscrição para pular etapas

Da Redação, com Melhor da Tarde 15/10/2021 • 17:13 - Atualizado em 15/10/2021 • 17:18

O diretor Boninho, responsável pelo reality show Big Brother Brasil da Rede Globo, denunciou nas redes sociais a venda falsa de vagas para entrar na próxima edição do programa, que deve ir ao ar em janeiro de 2022.

O golpe foi tema do Melhor da Tarde desta sexta-feira, 15. Em seu stories no Instagram, Boninho compartilhou o print de uma conta atribuída a um homem chamado Claudemir, que estaria oferecendo vagas no reality show. O diretor alertou se tratar de informação fake (falsa).

Boninho também mostrou o print de uma conversa no WhatsApp com o suposto Claudemir, no qual ele diz que consegue colocar os interessados em uma entrevista presencial para entrar no reality diretamente, sem precisar fazer a inscrição. 

“A taxa de inscrição para o presencial é de 250 reais. Abrimos hoje, que nos foi dada 10 vagas pelo diretor do BBB. Abrimos agora às 16h. Já foram quatro inscrições, temos seis [vagas]”, diz Claudemir na troca de mensagens.

Boninho lamentou a suposta venda de entrevistas e alertou o público para não caírem nessa roubada. As inscrições para o Big Brother Brasil 22 foram encerradas em setembro e, à exceção do time dos famosos, a única forma de entrar na atração é através dos formulários no site da Globo.