Esportes

CBF e clubes decidem manter jogos sem torcida; Flamengo não participa de reunião

Representantes das equipes acreditam que a volta do público deve ocorrer ao mesmo tempo para todos

Da Redação, com Rádio Bandeirantes 08/09/2021 • 14:40
Flamengo jogou em Brasília com presença de público no duelo com o Defensa y Justicia
Flamengo jogou em Brasília com presença de público no duelo com o Defensa y Justicia
Alexandre Vidal/CRF

A CBF e outros 19 clubes que disputam a primeira divisão do Campeonato Brasileiro vão manter os jogos da competição sem a presença de público. A decisão foi tomada durante reunião do Conselho Técnico da entidade nesta quarta-feira, 8.

De maneira unânime, os representantes das equipes acreditam que a volta da torcida nas arenas, vetadas por causa da pandemia de Covid-19, deve ocorrer ao mesmo tempo para todos.

O Flamengo não participou do encontro. Em nota, o clube afirmou entender que que não cabe à CBF ou as demais equipes deliberar acerca do assunto.

Uma nova reunião para discutir o tema foi marcada para o próximo dia 28.

O encontro ocorreu após a Prefeitura do Rio de Janeiro liberar, de forma gradativa, a presença da torcida no Maracanã, a partir do dia 15 de setembro, quando o Flamengo tem pela frente o Grêmio, pelas quartas de final da Copa do Brasil.

No entanto, ainda há indecisão em relação a essa partida, já que o jogo de ida não contou com a presença de torcedores na Arena do Grêmio.

O Flamengo já atuou com torcida nos jogos em que foi mandante nas oitavas e nas quartas da Libertadores no estádio Mané Garrincha, em Brasília: primeiro diante do Defensa y Justicia, depois contra o Olimpia.