Esportes

"Em qualquer outra seleção eu teria jogado uma Copa", diz Jardel

Atacante relembrou a carreira em entrevista a Milton Neves na Rádio Bandeirantes

Da Redação, com Rádio Bandeirantes 31/10/2021 • 11:27 - Atualizado em 31/10/2021 • 11:33
Jardel brilhou com a camisa do Grêmio
Jardel brilhou com a camisa do Grêmio
Reprodução/Instagram/Mário Jardel

O ex-centroavante Jardel participou do programa Domingo Esportivo da Rádio Bandeirantes e conversou com o apresentador Milton Neves sobre a carreira nos gramados. 

Ele nunca participou de uma Copa do Mundo, apesar de marcar muitos gols no Brasil e na Europa - com direito a duas Chuteiras de Ouro de maior artilheiro do continente, em 1999 e 2002, quando atuou no futebol português.  

“Em qualquer outra seleção eu teria ido para uma Copa do Mundo", assegurou o ex-jogador.

Ele vê a posição sem muitos talentos no futebol atual, exceto pelo polonês Robert Lewandowski, do Bayern de Munique. “Hoje é só o Lewandowski, que tem uma máquina montada para ele”.

Jardel também lembrou os tempos de Grêmio. Ídolo do Tricolor, ele venceu uma Libertadores da América sendo comandado por Luiz Felipe Scolari. 

O ex-atacante relembrou as preleções do treinador no vestiário. “Está vendo essa cabeçona? Cruza que ele resolve”, afirmava ele.  

Grêmio e Palmeiras duelam neste domingo pelo Campeonato Brasileiro, com transmissão da Rádio Bandeirantes.