Esporte

Joel Santana chora em homenagem no Maracanã e chama prancheta de 'filho'

Aos 75 anos, Joel entra para a Calçada da Fama do Maracanã

Da redação

Joel Santana chora em homenagem no Maracanã e chama prancheta de 'filho'
Joel Santana entra para Calçada da Fama do Maracanã
Divulgação/Maracanã

Joel Santana foi homenageado nesta segunda-feira (1º) e agora tem os pés na Calçada da Fama do Maracanã.

O veterano se emocionou durante a cerimônia e disse que ‘a voz não queria sair’ por causa da emoção vivida no evento.

"Essa homenagem não é só porque eu ganhei pelos quatro clubes do Rio de Janeiro, mas foi também uma homenagem por eu ter recebido o prêmio de maior vencedor de títulos dentro do Maracanã, isso não é mole. Passa um filme na minha cabeça. Eu nunca tremi pra decisão, juro por Deus, mas hoje a voz não queria sair, as lágrimas começaram a sair", afirmou Joel para a Band.

Joel tem títulos do Carioca nos quatro grandes do Rio. Como técnico, foi campeão estadual pelo Vasco em 1992 e 1993; em 1995 com o Fluminense; com o Botafogo em 1997 e 2010; e, com o Flamengo, em 1996 e 2008.

O veterano está com 75 anos e o último trabalho como treinador foi em abril de 2017, quando Joel deixou o comando do Boavista.

Na entrevista, o treinador ainda brincou sobre a sua relação com a prancheta, a quem o chama de ‘filho’.

"A prancheta é como se fosse um filho pra mim, me seguiu durante a carreira toda. As pessoas às vezes brincavam e questionavam por que eu não trocava por um notebook. Como eu vou abandonar um filho que me trouxe para o mundo de futebol? Eu anotava tudo, tudo na prancheta. Ninguém consegue ganhar tanto título só no oba-oba, no bate-bola ou falando mostrando só nos dedos. São anos de trabalho, de gratidão", brincou Joel.

Mais notícias

Carregar mais