Esporte

Tite se desculpa sobre fala no caso Daniel Alves: "Comparação sem sentido"

O treinador do Flamengo comparou o caso de Daniel Alves com a acusação de estupro envolvendo Neymar, que foi inocentado em 2019

Da Redação

Tite se desculpa sobre fala no caso Daniel Alves: "Comparação sem sentido"
Ao lado de César Sampaio, Tite se desculpou pela fala no caso Daniel Alves
Divulgação - Léo Jose/Coluna do Fla

O técnico Tite fez um pronunciamento antes da entrevista coletiva após a conquista da Taça Guanabara, neste sábado (2) para pedir perdão sobre a fala no caso Daniel Alves, depois da partida contra o Fluminense, no último domingo (25).

VÍDEO: Melhores momentos - Flamengo 3x0 Madureira

“Pessoal, me desculpem pela resposta que dei no caso Daniel Alves. Perdão, O erro, na medida que foi julgado pela Justiça, foi condenado. A comparação que fiz sobre o caso foi inoportuna, sem sentido”, disse o treinador.

“A etapa profissional que tivemos juntos foi de muita correção e respeito. Eu reafirmo que acredito na educação como orientação, como punição, como fui modelado pelos meus pais”, prosseguiu.

No último fim de semana, um jornalista perguntou sobre a investigação da polícia e a condenação da Justiça na Espanha. Tite falou “conceitualmente” sobre o caso.

“Eu entendo a tua pergunta. Eu não posso fazer julgamento sem ter todos os fatos e as informações verdadeiras a respeito. Posso falar conceitualmente. Conceitualmente, todo erro deve ser punido. não sou julgador e não tenho todos os fatos. Fora que há uma etapa de um profissional que trabalhou comigo e existem outras etapas profissionais e pessoais que ele também exerce", falou Tite.

“Essas eu não conheço e não posso julgar, tenho que ter muito cuidado. Vou dizer mais: quando fui numa coletiva que houve um problema com Neymar, foram 24 perguntas, respondi 18 a respeito de um suposto (estupro). Eu disse a mesma coisa, que eu não tinha conhecimento aprofundado. Mas quem erra deve ser punido. Foi assim que eu fui educado. Primeiro te ensino, segundo tu é punido para que aprenda”, finalizou o técnico.

Mais notícias

Carregar mais