Esportes

"We Will ROC You": Rússia transforma punição na Olimpíada em incentivo aos atletas

O que era para ser uma punição por doping acabou se transformando em uma campanha de publicidade estatal

Felipe Kieling, do Jornal da Band 05/08/2021 • 22:17 - Atualizado em 05/08/2021 • 23:13

Proibida de usar o próprio nome na Olimpíada de Tóquio, a Rússia não se deixou abalar e usou a sigla do nome do Comitê Olímpico Russo (ROC, em inglês) para alavancar uma campanha de incentivo aos atletas.

O que era para ser uma punição, acabou se transformando numa alavanca de publicidade estatal. São vídeos carregados de patriotismo e um pitada de provocação.

A versão da famosa música da banda Queen faz um trocadilho com a sigla ROC, que em inglês significa Comitê Olímpico Russo. A tradução do refrão com o trocadilho seria "Nós Vamos Detonar Você" (We Will ROC You).

O país foi proibido de usar o próprio nome na Olimpíada depois que uma investigação revelou, em 2015, que o próprio governo russo estava por trás de um grande programa de doping dos atletas.

A revolta da comunidade internacional foi grande e houve muita pressão por uma punição exemplar. A Olimpíada de Tóquio poderia servir de exemplo, mas não serviu. O castigo foi considerado brando demais.

A bandeira e o hino russo também estão banidos da Olimpíada. Mas o Kremlin reagiu. Grafites da campanha se espalharam pelas paredes de Moscou. Até a porta-voz do Ministérios das Relações Exteriores entrou na onda: divulgou um vídeo treinando boxe com um boneco com a palavra "imprensa" escrita, e dizendo que o mais importante é o orgulho que os atletas possuem.

A performance dos atletas em Tóquio também ajuda. Até esta quinta (5), são 16 ouros, colocando o Comitê Olímpico Russo na sexta colocação do quadro de medalhas.

  • ROC
  • olimpíada
  • tóquio-2020
  • comitê olímpico russo