Bora Brasil

RS: Rio Taquari passa dos 30 metros e atinge o maior nível da história

Defesa Civil do Rio Grande do Sul emitiu “orientação expressa” para a evacuação das cidades de Santa Tereza, Muçum, Roca Sales, Arroio do Meio, Encantado e Lajeado

Da Redação

RS: Rio Taquari passa dos 30 metros e atinge o maior nível da história
REUTERS/Diego Vara

O Rio Taquari, que percorre uma das regiões mais atingidas pelas fortes temporais que atingem o Rio Grande do Sul, passou dos 30 metros de altura e atingiu o maior nível da história. A medição foi feita na madrugada desta quinta-feira (2). 

A medição foi feita pelo Serviço Geológico do Brasil nas cidades de Lajeado e Estrela, onde o nível do rio atingiu 31,2 metros, volume maior que o da enchente registrada em setembro - quando chegou a 29,5 metros - e a maior alta registrada até então - 29,9 metros, em 1941.

Durante a madrugada, a Defesa Civil do Rio Grande do Sul alertou que moradores da região devem deixar as áreas de risco e procurar abrigos públicos ou outros locais de segurança.

“É orientação expressa que os moradores dos municípios de: Santa Tereza, Muçum, Roca Sales, Arroio do Meio, Encantado e Lajeado deixem áreas de risco e procurem abrigos públicos ou outro local de segurança para permanecer durante a elevação de nível do Rio Taquari”, informou o órgão. 

A Defesa Civil do estado também pontua que o Rio Taquari “vem recebendo expressivos volumes em razão das fortes chuvas dos últimos dias e está ultrapassando extraordinariamente sua cota de inundação”. 

“As pessoas que não tiverem locais alternativos devem buscar informações junto à Defesa Civil da sua cidade sobre os abrigos públicos disponibilizados pelas Prefeituras, rotas de fuga e pontos de segurança”, afirmou a Defesa Civil. 

O estado vem sofrendo com ciclos cada vez mais recorrentes de intempéries climáticas. No segundo semestre do ano passado, enchentes provocadas por fortes chuvas fizeram transbordar o Rio Taquari, em uma das piores cheias em décadas, e deixaram um rastro de destruição, perdas materiais e cerca de 50 mortes.

Banner Whatsapp

Tópicos relacionados

Mais notícias

Carregar mais