Jornal da Band

Estratégias ajudam a economizar com remédios; confira dicas

Truques podem render bons descontos nas farmácias

Da Redação, com Jornal da Band 02/08/2021 • 20:24 - Atualizado em 02/08/2021 • 22:18

Quem deixa parte do salário na farmácia sabe: cada descontinho ajuda. E algumas dicas pode ajudar para economizar com remédios.

É o caso da engenheira Fabiana de Luna, que tem diabetes - uma despesa para o resto da vida que exige planejamento. Alguns dos remédios ela consegue pegar em postos do SUS; a maior parte, porém, precisa ser comprada.

Para economizar, ela costuma se cadastrar em sites de laboratórios fabricantes.

“Existem programas de desconto progressivo. Cada vez que eu compro, eu vou obtendo um pouquinho mais de desconto, ou desconto fixo no valor daquele medicamento ou insumo”, descreveu.

Para quem tem plano de suade, vale perguntar em quais farmácias há descontos para clientes. Nas de redes, também é possível se inscrever nos programas de fidelidade. Nesse caso, quem pede as informações precisa dizer ao cliente como vai usar os dados, e também não pode compartilhá-los.

“Na maioria das vezes são para medicamentos de uso contínuo que possuem promoções leve-pague, ou descontos rotativos que as vezes chegam a 50%, 60%”, explicou Wiliam Santana, gerente regional de uma farmácia em São Paulo.

Outra opção é procurar as drogarias que fazem parte do Programa Farmácia Popular, que tem um banner na frente. Através do programa, são distribuídos gratuitamente medicamentos contra pressão alta, diabetes e asma. Há também descontos de até 90% em remédios contra rinite, tratamento do colesterol e outras doenças.

Também dá para economizar procurando em sites que fazem a comparação entre as drogarias. Com a pesquisa na mão, muito cliente consegue o mesmo valor na farmácia.

  • Jornal da Band
  • remédios
  • medicamentos
  • economia