Jornal da Band

Manifestações a favor e contra Bolsonaro marcam visita do presidente na Itália

Houve confronto com policiais italianos; manifestantes contrários ao presidente foram dispersados com jatos de água

Da Redação, com Jornal da Band 01/11/2021 • 20:56 - Atualizado em 02/11/2021 • 00:18
O presidente Jair Bolsonaro foi homenageado no norte da Itália
O presidente Jair Bolsonaro foi homenageado no norte da Itália
Reprodução

Enquanto a maioria dos líderes mundiais que estavam na reunião do G20, em Roma, seguiram para Glasgow, na Escócia, para participar da 26ª Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP26), Jair Bolsonaro seguiu nesta segunda-feira (1º) para a cidade de Anguillara Veneta, no nordeste da Itália, onde recebeu da prefeitura o título de cidadão honorário. 

Foi nessa cidade que o bisavô do presidente nasceu. Durante a visita, cumprimentou parentes italianos e, depois de falar com apoiadores, se manifestou. "Uma emoção muito grande encontrar parentes. E a primeira vez aqui na Itália, então é bom rever as raizes, entender o motivo pelo qual meus avós foram para o Brasil. E obviamente foram em busca de dias melhores pela dificuldade que a Itália enfrentava na época”, disse.

Ele também foi à Basílica de Santo Antônio de Pádua, onde recebeu um movimento de apoiadores perto da prefeitura, mas também teve manifestantes contrários, que  estiveram a postos em frente igreja de Santo André Apóstolo.

Houve confronto com policiais italianos e manifestantes contrários ao presidente foram dispersados com jatos de água.

Bolsonaro da Itália

Jair Bolsonaro foi para a Itália para participar no fim de semana da cúpula do G20, grupo que reúne as principais economias do mundo, mas ele não esteve em todos os eventos do encontro.

Assim que terminou a reunião da cúpula do G20 neste domingo (31), Jair Bolsonaro foi encontrar apoiadores perto da embaixada brasileira, localizada no centro de Roma. Seguranças do presidente foram acusados de agredir jornalistas que estavam no local.

O jornalista Jamil Chade, do BandNews TV, registrou um momento em que foi agredido por um segurança da comitiva. O correspondente da Globo Leonardo Monteiro conta que recebeu um soco no estômago e foi empurrado.

Na terça-feira (2), Bolsonaro segue para Pistoia, na Toscana, onde participa de uma cerimônia em memória aos soldados brasileiros que morreram na Segunda Guerra Mundial. Na sequência, embarca de volta ao Brasil.