Jornal da Band

Prefeitura de Porto Alegre estuda criar “cidade provisória” para desabrigados

Possível cidade improvisada deve receber 10 mil desabrigados e terá escolas, tendas da Defesa Civil e até mercado

Da redação

Porto Alegre foi tomada pela água do Guaíba
Porto Alegre foi tomada pela água do Guaíba
Ricardo Stuckert/Presidência

A Prefeitura de Porto Alegre estuda construir uma espécie de “cidade provisória” para abrigar 10 mil pessoas na Zona Norte. O espaço deve ter escolas, segurança reforçada, tendas da Defesa Civil e até mercado.

Na capital, a situação segue complicada porque o Lago Guaíba voltou a subir em decorrência das chuvas no final de semana. Cidades da Região Metropolitana seguem alagadas.

Há a previsão de que o Guaíba bata um novo recorde. O último ocorreu em 5 de maio, quando o recorde da enchente de 1941 foi superado. Parte das pessoas que voltaram para casa precisou ser resgatada outra vez.

Tópicos relacionados